Meu dia 28 de Julho de 2020


Oração da Manhã:

LAUDES


1. Hino

Já vem brilhante aurora / o sol anunciar. / De cor reveste as coisas, / faz tudo cintilar.


Ó Cristo, Sol eterno, / vivente para nós, / saltamos de alegria, / cantando para vós.


Do Pai Ciência e Verbo, / por quem se fez a luz, / as mentes, para vós, / levai, Senhor Jesus.


Que nós, da luz os filhos, / solícitos andemos. / Do Pai eterno a graça / nos atos expressemos.


Profira a nossa boca / palavras de verdade, / trazendo à alma o gozo / que vem da lealdade.


A vós, ó Cristo, a glória / e a vós, ó Pai, também, / com vosso Santo Espírito, / agora e sempre. Amém.


2. Salmo 23(24) - Entrada do Senhor no templo

Ant. 1. Quem tem mãos puras e inocente coração subirá até o monte do Senhor.


Ao Senhor pertence a terra e o que ela encerra, * / o mundo inteiro com os seres que o povoam; / – porque ele a tornou firme sobre os mares, * / e sobre as águas a mantém inabalável.


“Quem subi até o monte do Senhor, * / quem fica em sua santa habitação?” / = “Quem tem mãos puras e inocente coração, † / quem não dirige sua mente para o crime, * / nem jura falso para o dano de seu próximo.


Sobre este desce a bênção do Senhor * / e a recompensa de seu Deus e Salvador”. / – “É assim a geração dos que o procuram, * / e do Deus de Israel buscam a face”.


= “Ó portas, levantai vossos frontões! † / Elevai-vos bem mais alto, antigas portas, * / a fim de que o Rei da glória possa entrar!”


= Dizei-nos: “Quem é este Rei da glória?” † / “É o Senhor, o valoroso, o onipotente, * / o Senhor, o poderoso nas batalhas!”


= “Ó portas, levantai vossos frontões! † / Elevai-vos bem mais alto, antigas portas, * / a fim de que o Rei da glória possa entrar!”


= Dizei-nos: “Quem é este Rei da glória?” † / “O Rei da glória é o Senhor onipotente, * / o Rei da glória é o Senhor Deus do universo!”


Glória. Ant. 1. Quem tem mãos puras e inocente coração subirá até o monte do Senhor.


3. Cântico Tb 13,2-8 - Deus castiga e salva

Ant. 2. Vossas obras celebrem a Deus e exaltem o Rei sempiterno.


–  Vós sois grande, Senhor, para sempre, * / e o vosso reino se estende nos séculos! / – Porque vós castigais e salvais, * / fazeis descer aos abismos da terra, / – e de nos trazeis novamente: * / de vossa mão nada pode escapar.


Vós que sois de Israel, dai-lhe graças * / e por entre as nações celebrai-o! / – O Senhor dispersou-vos na terra * / para narrardes sua glória entre os povos, / – e fa-los saber, para sempre, * / que não outro Deus além dele.


Castigou-nos por nossos pecados, * / seu amor haverá de salvar-nos. / –  Compreendei o que fez para nós, * / dai-lhe graças, com todo o respeito! / – Vossas obras celebrem a Deus * / e exaltem o Rei sempiterno!


Nesta terra do meu cativeiro, * / haverei de honrá-lo e louvá-lo, / – pois mostrou o seu grande poder, * / sua glória à nação pecadora! / – Convertei-vos, enfim, pecadores, * / diante dele vivei na justiça;


e sabei que, se ele vos ama, * / também vos dará seu perdão! / – Eu desejo, de toda a minh’alma, * / alegrar-me em Deus, Rei dos céus. / – Bendizei o Senhor, seus eleitos, * / fazei festa e alegres louvai-o!


Glória. Ant. 2. Vossas obras celebrem a Deus e exaltem o Rei sempiterno.


4. Salmo 32(33) - Hino à providência de Deus

Ant. 3. Ó justos, alegrai-vos no Senhor! Aos retos fica bem glorificá-lo. †


Ó justos, alegrai-vos no Senhor! * / Aos retos fica bem glorificá-lo.


– † Dai graças ao Senhor ao som da harpa, * / na lira de dez cordas celebrai-o! / – Cantai para o Senhor um canto novo, * / com arte sustentai a louvação!


Pois reta é a palavra do Senhor, * / e tudo o que ele faz merece fé. / – Deus ama o direito e a justiça, * / transborda em toda a terra a sua graça.


A palavra do Senhor criou os céus, * / e o sopro de seus lábios, as estrelas. / – Como num odre junta as águas do oceano, * / e mantém no seu limite as grandes águas.


Adore ao Senhor a terra inteira, * / e o respeitem os que habitam o universo! / – Ele falou e toda a terra foi criada, * / ele ordenou e as coisas todas existiram.


O Senhor desfaz os planos das nações * / e os projetos que os povos se propõem. / = Mas os desígnios do Senhor são para sempre, † / e os pensamentos que ele traz no coração, * / de geração em geração, vão perdurar.


Feliz o povo cujo Deus é o Senhor, * / e a nação que escolheu por sua herança! / – Dos altos céus o Senhor olha e observa; * / ele se inclina para olhar todos os homens.


Ele contempla do lugar onde reside * / e vê a todos os que habitam sobre a terra. / – Ele formou o coração de cada um * / e por todos os seus atos se interessa.


Um rei não vence pela força do exército, * / nem o guerreiro escapará por seu vigor. / – Não são cavalos que garantem a vitória; * / ninguém se salvará por sua força.


Mas o Senhor pousa o olhar sobre os que o temem, * / e que confiam esperando em seu amor, / – para da morte libertar as suas vidas * / e alimen-los quando é tempo de penúria.


No Senhor nós esperamos confiantes, * / porque ele é nosso auxílio e proteção! / – Por isso o nosso coração se alegra nele, * / seu santo nome é nossa única esperança.


Sobre nós venha, Senhor, a vossa graça, * / da mesma forma que em vós nós esperamos!

Glória. Ant. 3. Ó justos, alegrai-vos no Senhor! Aos retos fica bem glorificá-lo. †


5. Leitura breve Rm 13,11b.12-13a

Já é hora de despertar. Com efeito, agora a salvação está mais perto de nós do que quando abraçamos a fé. A noite já vai adiantada, o dia vem chegando: despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da luz. Procedamos honestamente, como em pleno dia.


6. Responsório breve

R. Ó meu Deus, sois o rochedo que me abriga. * Meu escudo e proteção: em vós espero! R. Ó meu Deus.

V. Minha rocha, meu abrigo e Salvador. * Meu escudo. Glória ao Pai. R. Ó meu Deus.


7. Cântico evangélico

Ant. O Senhor fez surgir um poderoso Salvador, como falara pela boca de seus santos e profetas.


Benedictus – Lc 1,68-79

O Messias e seu Precursor


– Bendito seja o Senhor Deus de Israel, *

porque a seu povo visitou e libertou;

– e fez surgir um poderoso Salvador *

na casa de Davi, seu servidor,


– como falara pela boca de seus santos, *

os profetas desde os tempos mais antigos,

– para salvar-nos do poder dos inimigos *

e da mão de todos quantos nos odeiam.


– Assim mostrou misericórdia a nossos pais, *

recordando a sua santa Aliança

– e o juramento a Abraão, o nosso pai, *

de conceder-nos que, libertos do inimigo,


= a ele nós sirvamos sem temor †

em santidade e em justiça diante dele, *

enquanto perdurarem nossos dias.


= Serás profeta do Altíssimo, ó menino, †

pois irás andando à frente do Senhor *

para aplainar e preparar os seus caminhos,


– anunciando ao seu povo a salvação, *

que está na remissão de seus pecados,


– pela bondade e compaixão de nosso Deus, *

que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,


– para iluminar a quantos jazem entre as trevas *

e na sombra da morte estão sentados

– e para dirigir os nossos passos, *

guiando-os no caminho da paz.


– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *

Como era no princípio, agora e sempre. Amém.


Ant. O Senhor fez surgir um poderoso Salvador, como falara pela boca de seus santos e profetas.


8. Preces

Irmãos e irmãs, chamados a participar de uma vocação celeste, bendigamos a Jesus Cristo, pontífice da nossa fé; e aclamemos:


R. Senhor, nosso Deus e Salvador!


REI todo-poderoso, que pelo batismo nos conferistes um sacerdócio régio, fazei da nossa vida um contínuo sacrifício de louvor. – R.


AJUDAI-NOS, Senhor, a guardar os vossos mandamentos, para que pela força do Espírito Santo permaneçamos em vós e vós permaneçais em nós. – R.


DAI-NOS a vossa sabedoria eterna, para que ela sempre nos acompanhe e dirija os nossos trabalhos. – R.


NÃO permitais que neste dia sejamos motivo de tristeza para ninguém, mas causa de alegria para todos os que convivem conosco. – R.


(intenções livres)


9. Pai nosso...


10. Oração

Acolhei, Senhor, as preces desta manhã, e por vossa bondade iluminai as profundezas de nosso coração, para que não se prendam por desejos tenebrosos os que foram renovados pela luz de vossa graça. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.


Liturgia do dia:

Primeira Leitura (Jr 14,17-22)

Salmo Responsorial (Sl 78)

Evangelho (Mt 13,36-43)


— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus. 

— Glória a vós, Senhor.


Naquele tempo, 36Jesus deixou as multidões e foi para casa. Seus discípulos aproximaram-se dele e disseram: “Explica-nos a parábola do joio!” 37Jesus respondeu: “Aquele que semeia a boa semente é o Filho do Homem. 38O campo é o mundo. A boa semente são os que pertencem ao Reino. O joio são os que pertencem ao Maligno. 39O inimigo que semeou o joio é o diabo. A colheita é o fim dos tempos. Os ceifadores são os anjos. 40Como o joio é recolhido e queimado ao fogo, assim também acontecerá no fim dos tempos: 41o Filho do Homem enviará os seus anjos e eles retirarão do seu Reino todos os que fazem outros pecar e os que praticam o mal; 42e depois os lançarão na fornalha de fogo. Ali haverá choro e ranger de dentes. 43Então os justos brilharão como o sol no Reino de seu Pai. Quem tem ouvidos, ouça”.


— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Santo do dia:

São Celestino


Com satisfação nós lembramos da santidade do Papa Celestino I, que governou a Igreja dos anos 422 até 432. Ele nasceu na Itália e, ao ser escolhido para governar a Igreja de Cristo, usou muito bem o cajado da justiça e da paz.


No tempo dele havia a autossuficiência do Pelagianismo que, embora condenado no Concílio de Cartago, perdurava querendo “contaminar” os cristãos, pois afirmava uma “auto salvação”.


Combatente também contra a heresia do Nestorianismo – que afirmava ter Jesus duas naturezas e duas pessoas – São Celestino fez de tudo para condenar o erro e o pecado sem deixar de amar o errado e o pecador; assim viveu na santidade, até entrar na eterna casa dos santos em 432.


São Celestino, rogai por nós!


Oração da Noite:

Querida mãe, virgem Maria, fazei que eu salve a minha alma

— Ave Maria...

Querida mãe, virgem Maria, fazei que eu salve a minha alma

— Ave Maria...

Querida mãe, virgem Maria, fazei que eu salve a minha alma

— Ave Maria...


Tu, Auxílio maravilhoso dos cristãos, Tu, terrível como exército ordenado em batalha, Tu, que só destruíste toda heresia em todo o mundo: nas nossas angústias, nas nossas lutas, nas nossas aflições, defende-nos do inimigo; e na hora da morte, acolhe a nossa alma no paraíso.

Assim seja.


Nossa Senhora Auxiliadora

— Rogai por nós!



1. Acompanhe diariamente a meditação espiritual conduzida pelos guardiões gerais via Google Meet, sempre às 21h30.


2. Evite a leitura do MEU DIA na Santa Missa. O Evangelho na Celebração Eucarística, é proclamado (lido) pelo sacerdote/diácono e a assembleia (participantes) deve escutar com a devida atenção.


NOVA
R$30,00
AUXICAMISA

Movimento dos Filhos da Santíssima Virgem Auxiliadora

Av. São João Batista  S/N  - Conj. Castelo Branco - Aracaju/SE 

+55 (79) 3021-6960

Todos direitos reservados                Movimento Auxilia - 2020