MEU DIA | 15 de Julho



São Boaventura, bispo e doutor da Igreja


LAUDES (Manhã)


1. Hino

Já surge a luz dourada, / a treva dissipando, / que as almas do abismo / aos poucos vai levando.

Dissipa-se a cegueira / que a todos envolvia; / alegres caminhemos / na luz de um novo dia.

Que a luz nos traga paz, / pureza ao coração: / longe a palavra falsa, / o pensamento vão.

Decorra calmo o dia: / a mão, a língua, o olhar. / Não deixe nosso corpo / na culpa se manchar.

Do alto, nossos atos / Deus vê, constantemente; / solícito nos segue / da aurora ao sol poente.

A glória seja ao Pai, / ao Filho seu também; / ao Espírito igualmente, / agora e sempre. Amém.


2. Salmo 86(87) - Jerusalém: mãe de todos os povos


Ant. 1. Dizem coisas gloriosas da Cidade do Senhor.

O Senhor ama a cidade * / que fundou no Monte santo; / – ama as portas de Sião * / mais que as casas de Jacó.

Dizem coisas gloriosas * / da Cidade do Senhor: / – “Lembro o Egito e Babilônia * / entre os meus veneradores.

= Na Filisteia ou em Tiro † / ou no país da Etiópia, * / este ou aquele ali nasceu.

= De Sião, porém, se diz: † / “Nasceu nela todo homem; * / Deus é sua segurança”.

= Deus anota no seu livro, / onde inscreve os povos todos: * / “Foi ali que estes nasceram”.

E por isso todos juntos * / a cantar se alegrarão; / – e, dançando, exclamarão: * / “Estão em ti as nossas fontes!”

Glória. Ant. 1. Dizem coisas gloriosas da Cidade do Senhor.


3. Cântico Is 40,10-17 - O Bom Pastor é o Deus Altíssimo e Sapientíssimo


Ant. 2. O Senhor, o nosso Deus, vem com poder, e o preço da vitória vem com ele.

Olhai e vede: o nosso Deus vem com poder, * / dominatodas as coisas com seu braço. / – Eis que o preço da vitória vem com ele, * / e o precedem os troféus que conquistou.

(R. Bendito seja Aquele que há de vir!)

Como o pastor, ele apascenta o seu rebanho. * / Ele toma os cordeirinhos em seus braços, / – leva ao colo as ovelhas que amamentam, * / e reúne as dispersas com sua mão. – R.

Quem, no côncavo da mão, mediu o mar? * / Quem mediu o firmamento com seu palmo? / = Quem mediu com o alqueire o pó da terra? † / Quem pesou, pondo ao gancho, as montanhas, * / e as colinas, colocando-as na balança? – R.

Quem instruíra o espírito do Senhor? * / Que conselheiro o teria orientado? / – Com quem aprendeu ele a bem julgar, * / e os caminhos da justiça a discernir? / – Quem as veredas da prudência lhe ensinou * / ou os caminhos da ciência lhe mostrou? – R.

Eis as nações: qual gota d’água na vasilha, * / um grão de areia na balança diante dele; / – e as ilhas pesam menos do que o pó * / perante ele, o Senhor onipotente. – R.

Não bastaria toda a lenha que há no Líbano * / para queimar seus animais em holocausto. / – As nações todas são um nada diante dele, * / a seus olhos, elas são quais se não fossem. – R.

Glória. Ant. 2. O Senhor, o nosso Deus, vem com poder, e o preço da vitória vem com ele.


4. Salmo 98(99) - Santo é o Senhor nosso Deus


Ant. 3. Aclamai o Senhor nosso Deus, e adorai-o com todo o respeito!

= Deus é Rei: diante dele estremeçam os povos! † / Ele reina entre os anjos: que a terra se abale! * / Porque grande é o Senhor em Sião!

= Muito acima de todos os povos se eleva; † / glorifiquem seu nome tervel e grande, * / porque ele é santo e é forte!

= Deus é Rei poderoso. Ele ama o que é justo † / e garante o direito, a justiça e a ordem; * / tudo isso ele exerce em Ja.

= Exaltai o Senhor nosso Deus, † / e prostrai-vos perante seus pés, * / pois é santo o Senhor nosso Deus!

= Eis Moisés e Aarão entre os seus sacerdotes. † / E também Samuel invocava seu nome, * / e ele mesmo, o Senhor, os ouvia.

= Da coluna de nuvem falava com eles. † / E guardavam a lei e os preceitos divinos, * / que o Senhor nosso Deus tinha dado.

= Responeis a eles, Senhor nosso Deus, † / porque éreis um Deus paciente com eles, * / mas saeis punir seu pecado.

= Exaltai o Senhor nosso Deus, † / e prostrai-vos perante seu monte, * / pois é santo o Senhor nosso Deus!

Glória. Ant. 3. Aclamai o Senhor nosso Deus, e adorai-o com todo o respeito!


5. Leitura breve 1Pd 4,10-11

Como bons administradores da multiforme graça de Deus, cada um coloque à disposição dos outros o dom que recebeu. Se alguém tem o dom de falar, proceda como com palavras de Deus. Se alguém tem o dom do serviço, exerça-o como capacidade proporcionada por Deus, a fim de que, em todas as coisas, Deus seja glorificado, em virtude de Jesus Cristo.


6. Responsório breve

R. Clamo de todo o coração: * Atendei-me, ó Senhor! R. Clamo.

V. Quero cumprir vossa vontade. * Atendei-me. Glória ao Pai. R. Clamo.


7. Cântico evangélico


Ant. Sirvamos ao Senhor na justiça e santidade, e de nossos inimigos haverá de nos salvar.


Benedictus – Lc 1,68-79


O Messias e seu Precursor


– Bendito seja o Senhor Deus de Israel, *

porque a seu povo visitou e libertou;

– e fez surgir um poderoso Salvador *

na casa de Davi, seu servidor,


– como falara pela boca de seus santos, *

os profetas desde os tempos mais antigos,

– para salvar-nos do poder dos inimigos *

e da mão de todos quantos nos odeiam.


– Assim mostrou misericórdia a nossos pais, *

recordando a sua santa Aliança

– e o juramento a Abraão, o nosso pai, *

de conceder-nos que, libertos do inimigo,


= a ele nós sirvamos sem temor †

em santidade e em justiça diante dele, *

enquanto perdurarem nossos dias.


= Serás profeta do Altíssimo, ó menino, †

pois irás andando à frente do Senhor *

para aplainar e preparar os seus caminhos,


– anunciando ao seu povo a salvação, *

que está na remissão de seus pecados,


– pela bondade e compaixão de nosso Deus, *

que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,


– para iluminar a quantos jazem entre as trevas *

e na sombra da morte estão sentados

– e para dirigir os nossos passos, *

guiando-os no caminho da paz.


– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *

Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Ant. Sirvamos ao Senhor na justiça e santidade, e de nossos inimigos haverá de nos salvar.


8. Preces

Demos graças a Deus Pai, que no seu amor conduz e alimenta o seu povo; e digamos com alegria:

R. Glória a vós, Senhor, para sempre!

PAI clementíssimo, nós vos louvamos por vosso amor para conosco, porque nos criastes de modo admirável, e de modo ainda mais admirável nos renovastes. – R.

NO começo deste dia, infundi em nossos corações o desejo de vos servir, para que sempre vos glorifiquemos em todos os nossos pensamentos e ações. – R.

PURIFICAI os nossos corações de todo mau desejo, e fazei que estejamos sempre atentos à vossa vontade. – R.

DAI-NOS um coração aberto às dificuldades de nossos irmãos e irmãs, para que jamais falte o nosso amor fraterno. – R.

(intenções livres)


9. Pai nosso...


10. Oração

Concedei-nos, Pai todo-poderoso, que, celebrando a festa de São Boaventura, aproveitemos seus preclaros ensinamentos e imitemos sua ardente caridade. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

 

Liturgia do dia:

Primeira Leitura (Êx 3,13-20)

Responsório (Sl 104,1.5-27)

Evangelho (Mt 11,28-30) — O Senhor esteja convosco. — Ele está no meio de nós. — Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus. — Glória a vós, Senhor. Naquele tempo, tomou Jesus a palavra e disse: 28 “Vinde a mim todos vós que estais cansados e fatigados sob o peso dos vossos fardos, e eu vos darei descanso. 29Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração, e vós encontrareis descanso. 30Pois o meu jugo é suave e o meu fardo é leve”. — Palavra da Salvação. — Glória a vós, Senhor.

 

Santo do dia:

São Boaventura

O santo de hoje foi bispo e reconhecido Doutor da Igreja de Cristo. Ele chamou os pescadores e camponeses para segui-lo no carisma de Francisco de Assis, mas também os homens cultos e os de ciência. São Boaventura era um desses homens de muita ciência, porém, de maior humildade e conhecimento de Deus, por isso, registrou o que vivia.

Escreve ele: “Não basta a leitura sem a unção, não basta a especulação sem a devoção, não basta a pesquisa sem maravilhar-se; não basta a circunspecção sem o júbilo, o trabalho sem a piedade, a ciência sem a caridade, a inteligência sem a humildade, o estudo sem a graça”.

Boaventura nasceu no centro da Itália em 1218 e, ao ficar muito doente, recebeu a cura por meio de uma oração feita por São Francisco de Assis, que percebendo a graça tomou-o nos braços e disse: “Ó, boa ventura!”. Entrou na Ordem Franciscana e, pela mortificação dos sentidos e muita oração, exerceu sua vocação franciscana e sacerdócio na santidade, a ponto do seu mestre qualificar-lhe assim: “Parece que o pecado original nele não achou lugar”.

São Boaventura, antes de se destacar como santo bispo, já chamava – sem querer – a atenção pela sua cultura e ciência teológica, por isso, ao lado de Santo Alberto Magno e Santo Tomás de Aquino, caracterizaram o século XIII como o tempo de sínteses teológicas.

Certa vez, um frei lhe perguntou se poderia salvar-se, já que desconhecia a ciência teológica; a resposta do santo não foi outra: “Se Deus dá ao homem somente a graça de poder amá-Lo isso basta… Uma simples velhinha poderá amar a Deus mais que um professor de teologia”. O Doutor Seráfico, assumiu muitas responsabilidades, como ministro geral da Ordem Franciscana, bispo, arcebispo, até que, depois de tanto trabalhar, ganhou com 56 anos o repouso no céu.

São Boaventura, rogai por nós!

 

Oração da Noite:

Querida mãe, virgem Maria, fazei que eu salve a minha alma

— Ave Maria...

Querida mãe, virgem Maria, fazei que eu salve a minha alma

— Ave Maria...

Querida mãe, virgem Maria, fazei que eu salve a minha alma

— Ave Maria...

Tu, Auxílio maravilhoso dos cristãos, Tu, terrível como exército ordenado em batalha, Tu, que só destruíste toda heresia em todo o mundo: nas nossas angústias, nas nossas lutas, nas nossas aflições, defende-nos do inimigo; e na hora da morte, acolhe a nossa alma no paraíso.

Assim seja.

Nossa Senhora Auxiliadora

— Rogai por nós!

nOVA-CAMISA.png
NOVA
ADQUIRA NA MISSÃO
MAIS PRÓXIMA DE VOCÊ!
AUXICAMISA