MEU DIA | 03 de Julho



Oração da Manhã

São Tomé, Apóstolo

Festa


LAUDES (Manhã)


1. Hino

Tu fulguras qual luzeiro / entre os doze, São Tomé; / oh! Recebe prazenteiro / o louvor de nossa fé!

O Senhor te fez sentar / sobre um trono só de luz. / O amor levou-te a dar / tua vida por Jesus.

Relataram os irmãos / que o Senhor tornara à vida; / queres vê-lo e, com as mãos, / apalpar suas feridas.

Que alegria quando o viste / redivivo em seu fulgor; / e com fé adoraste / como Deus e teu Senhor.

Entre nós, que não o vemos, / nossa fé por ti floresça, / e o amor com que o buscamos / dia a dia sempre cresça.

Seja ao Cristo honra e vitória! / Que a teus rogos ele dê / vê-lo vivo em sua glória / a quem anda à luz da fé!


2. Salmo 62(63) - Sede de Deus


Ant. 1. E disse-lhe Tomé: Senhor, não sabemos aonde tu vais, e como podemos saber o caminho? Jesus respondeu: Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida.

Sois vós, ó Senhor, o meu Deus! * / Desde a aurora ansioso vos busco! / = A minh’alma tem sede de vós, † / minha carne também vos deseja, * / como terra sedenta e sem água!

Venho, assim, contemplar-vos no templo, * / para ver vossa glória e poder. / – Vosso amor vale mais do que a vida: * / e por isso meus lábios vos louvam.

Quero, pois, vos louvar pela vida * / e elevar para vós minhas mãos! / – A minh’alma será saciada, * / como em grande banquete de festa; / – canta a alegria em meus lábios, * / ao cantar para vós meu louvor!

Penso em vós no meu leito, de noite, * / nas vilias suspiro por vós! / – Para mim fostes sempre um socorro; * / de vossas asas à sombra eu exulto! / – Minha alma se agarra em vós; * / com poder vossa mão me sustenta.

Glória. Ant. 1. E disse-lhe Tomé: Senhor, não sabemos aonde tu vais, e como podemos saber o caminho? Jesus respondeu: Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida.


3. Cântico Dn 3,57-88.56 - Louvor das criaturas ao Senhor


Ant. 2. Tomé, que também é chamado Dídimo, não estava com eles quando veio Jesus. Disseram a ele: Nós vimos Jesus. Aleluia.

Obras do Senhor, bendizei o Senhor, * / louvai-o e exaltai-o pelos culos sem fim! / – Céus do Senhor, bendizei o Senhor! * / Anjos do Senhor, bendizei o Senhor!

(R. Louvai-o e exaltai-o pelos culos sem fim! ou R. A ele glória e louvor eternamente!)

Águas do alto céu, bendizei o Senhor! * / Potências do Senhor, bendizei o Senhor! / – Lua e sol, bendizei o Senhor! * / Astros e estrelas, bendizei o Senhor! – R.

Chuvas e orvalhos, bendizei o Senhor! * / Brisas e ventos, bendizei o Senhor! / – Fogo e calor, bendizei o Senhor! * / Frio e ardor, bendizei o Senhor! – R.

Orvalhos e garoas, bendizei o Senhor! * / Geada e frio, bendizei o Senhor! / – Gelos e neves, bendizei o Senhor! * / Noites e dias, bendizei o Senhor! – R.

Luzes e trevas, bendizei o Senhor! * / Raios e nuvens, bendizei o Senhor! / Ilhas e terra, bendizei o Senhor! * / Louvai-o e exaltai-o pelos culos sem fim! – R.

Montes e colinas, bendizei o Senhor! * / Plantas da terra, bendizei o Senhor! / – Mares e rios, bendizei o Senhor! * / Fontes e nascentes, bendizei o Senhor! – R.

Baleias e peixes, bendizei o Senhor! * / Pássaros do céu, bendizei o Senhor! / – Feras e rebanhos, bendizei o Senhor! * / Filhos dos homens, bendizei o Senhor! – R.

Filhos de Israel, bendizei o Senhor! * / Louvai-o e exaltai-o pelos culos sem fim! / – Sacerdotes do Senhor, bendizei o Senhor! * / Servos do Senhor, bendizei o Senhor! – R.

Almas dos justos, bendizei o Senhor! * / Santos e humildes, bendizei o Senhor! / – Jovens Misael, Ananias e Azarias, * / louvai-o e exaltai-o pelos culos sem fim! – R.

Ao Pai e ao Filho e ao Esrito Santo * / louvemos e exaltemos pelos culos sem fim! / – Bendito sois, Senhor, no firmamento dos céus! * / Sois digno de louvor e de glória eternamente! – R.

No fim deste cântico, não se diz: Glória ao Pai.

Glória. Ant. 2. Tomé, que também é chamado Dídimo, não estava com eles quando veio Jesus. Disseram a ele: Nós vimos Jesus. Aleluia.


4. Salmo 149 - A alegria e o louvor dos santos


Ant. 3. Com teu dedo vem tocar as minhas mãos, coloca a tua mão no lado aberto, e não sejas um incrédulo, Tomé, mas tenhas fé. Aleluia, aleluia.

Cantai ao Senhor Deus um canto novo, * / e o seu louvor na assembleia dos fiéis! / – Alegre-se Israel em Quem o fez, * / e Sião se rejubile no seu Rei! / – Com danças glorifiquem o seu nome, * / toquem harpa e tambor em sua honra!

Porque, de fato, o Senhor ama seu povo * / e coroa com vitória os seus humildes. / – Exultem os fiéis por sua glória, * / e cantando se levantem de seus leitos, / – com louvores do Senhor em sua boca * / e espadas de dois gumes em sua mão,

para exercer sua vingança entre as nações * / e infligir o seu castigo entre os povos, / – colocando nas algemas os seus reis, * / e seus nobres entre ferros e correntes, / – para aplicar-lhes a sentença já escrita: * / Eis a glória para todos os seus santos.

Glória. Ant. 3. Com teu dedo vem tocar as minhas mãos, coloca a tua mão no lado aberto, e não sejas um incrédulo, Tomé, mas tenhas fé. Aleluia, aleluia.


5. Leitura breve Ef 2,19-22

Já não sois estrangeiros nem migrantes, mas concidadãos dos santos. Sois da família de Deus. Vós fostes integrados no edifício que tem como fundamento os apóstolos e os profetas, e o próprio Jesus Cristo como pedra principal. É nele que toda a construção se ajusta e se eleva para formar um templo santo no Senhor. E vós também sois integrados nesta construção, para vos tornardes morada de Deus pelo Espírito.


6. Responsório breve

R. Fareis deles os chefes * Por toda a terra. R. Fareis.

V. Lembrarão vosso nome, Senhor, para sempre. * Por toda. Glória ao Pai. R. Fareis.


7. Cântico evangélico


Ant. Acreditaste, Tomé, porque me viste. Felizes os que creem sem ter visto! Aleluia.


Benedictus – Lc 1,68-79


O Messias e seu Precursor


– Bendito seja o Senhor Deus de Israel, *

porque a seu povo visitou e libertou;

– e fez surgir um poderoso Salvador *

na casa de Davi, seu servidor,


– como falara pela boca de seus santos, *

os profetas desde os tempos mais antigos,

– para salvar-nos do poder dos inimigos *

e da mão de todos quantos nos odeiam.


– Assim mostrou misericórdia a nossos pais, *

recordando a sua santa Aliança

– e o juramento a Abraão, o nosso pai, *

de conceder-nos que, libertos do inimigo,


= a ele nós sirvamos sem temor †

em santidade e em justiça diante dele, *

enquanto perdurarem nossos dias.


= Serás profeta do Altíssimo, ó menino, †

pois irás andando à frente do Senhor *

para aplainar e preparar os seus caminhos,


– anunciando ao seu povo a salvação, *

que está na remissão de seus pecados,


– pela bondade e compaixão de nosso Deus, *

que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,


– para iluminar a quantos jazem entre as trevas *

e na sombra da morte estão sentados

– e para dirigir os nossos passos, *

guiando-os no caminho da paz.


– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *

Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Ant. Acreditaste, Tomé, porque me viste. Felizes os que creem sem ter visto! Aleluia.


8. Preces

Irmãos e irmãs caríssimos, tendo recebido dos apóstolos a herança celeste, agradeçamos a Deus, nosso Pai, todos os seus dons; e aclamemos:

R. O coro dos apóstolos vos louva, Senhor!

LOUVOR a vós, Senhor pela mesa do vosso Corpo e Sangue que recebemos por intermédio dos apóstolos; por ela somos alimentados e vivemos. – R.

LOUVOR a vós, Senhor pela mesa de vossa Palavra, preparada para nós pelos apóstolos; por ela recebemos luz e alegria. – R.

LOUVOR a vós, Senhor, por vossa santa Igreja, edificada sobre o fundamento dos apóstolos; com ela formamos um só Corpo. – R.

LOUVOR a vós, Senhor, pelos Sacramentos do Batismo e da Penitência que confiastes aos apóstolos; por eles somos lavados de todo pecado. – R.

(intenções livres)


9. Pai nosso...


10. Oração

Deus todo-poderoso, concedei-nos celebrar com alegria a festa do apóstolo São Tomé, para que sejamos sempre sustentados por sua proteção e tenhamos a vida pela fé no Cristo que ele reconheceu como Senhor. Que convosco vive e reina, na unidade do Espírito Santo.

 

Liturgia do dia:

Primeira Leitura (Ef 2,19-22)

Responsório (Sl 116)

Evangelho (Jo 20,24-29)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor.

24Tomé, chamado Dídimo, que era um dos doze, não estava com eles quando Jesus veio. 25Os outros discípulos contaram-lhe depois: “Vimos o Senhor!” Mas Tomé disse-lhes: “Se eu não vir as marcas dos pregos em suas mãos, se eu não puser o dedo nas marcas dos pregos e não puser a mão no seu lado, não acreditarei”.

26Oito dias depois, encontravam-se os discípulos novamente reunidos em casa, e Tomé estava com eles. Estando fechadas as portas, Jesus entrou, pôs-se no meio deles e disse: “A paz esteja convosco”. 27Depois disse a Tomé: “Põe o teu dedo aqui e olha as minhas mãos. Estende a tua mão e coloca-a no meu lado. E não sejas incrédulo, mas fiel”. 28Tomé respondeu: “Meu Senhor e meu Deus!” 29Jesus lhe disse: “Acreditaste, porque me viste? Bem-aventurados os que creram sem terem visto!”

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

 

Santo do dia:

São Tomé, Apóstolo

Pertencente ao grupo dos doze apóstolos, o Senhor o chamou dentro de sua realidade, com suas fraquezas e até com suas crises de fé.

Nosso Senhor Jesus revelou a nós coisas maravilhosas através de São Tomé:

“Tomé lhe disse: ‘Senhor, nós nem sabemos para onde vais, como poderíamos saber o caminho?’ Jesus lhe disse: Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vai ao Pai a não ser por mim” (Jo 14,6).

Tomé nunca teve medo de expor a realidade de sua fé e de sua razão, que queria saber cada vez mais e melhor. Quando Jesus apareceu aos apóstolos ao ressuscitar, Tomé não estava ali, então, encontramos seu testemunho: “Oito dias depois, os discípulos encontravam-se reunidos na casa, e Tomé estava com eles. Estando as portas fechadas, Jesus entrou, pôs-se no meio deles e disse: “A paz esteja convosco”. Depois disse a Tomé: “Põe o teu dedo aqui e olha as minhas mãos. Estende a tua mão e coloca-a no meu lado e não sejas incrédulo, mas crê!” Tomé respondeu: “Meu Senhor e meu Deus!” (Jo 20,26-28).

O Papa São Gregório Magno meditando essa realidade de São Tomé diz: “A incredulidade de Tomé não foi um acaso, mas prevista nos planos de Deus. O discípulo, que duvidando da Ressurreição do Mestre, pôs as mãos nas chagas do mesmo, curou com isso a ferida da nossa incredulidade”.

Segundo a Tradição, Tomé teria ido, depois de Pentecostes, evangelizar pelo Oriente e Índia onde morreu martirizado, ou seja, morreu por amor, testemunhando a sua fé.


São Tomé, rogai por nós !


 

Oração da Noite:

Querida mãe, virgem Maria, fazei que eu salve a minha alma

— Ave Maria...

Querida mãe, virgem Maria, fazei que eu salve a minha alma

— Ave Maria...

Querida mãe, virgem Maria, fazei que eu salve a minha alma

— Ave Maria...

Tu, Auxílio maravilhoso dos cristãos, Tu, terrível como exército ordenado em batalha, Tu, que só destruíste toda heresia em todo o mundo: nas nossas angústias, nas nossas lutas, nas nossas aflições, defende-nos do inimigo; e na hora da morte, acolhe a nossa alma no paraíso.

Assim seja.

Nossa Senhora Auxiliadora

— Rogai por nós!

nOVA-CAMISA.png
NOVA
ADQUIRA NA MISSÃO
MAIS PRÓXIMA DE VOCÊ!
AUXICAMISA