Alegrai-vos: é tempo de Advento!



O Advento é o tempo de preparar-se para acolher a grande promessa do Pai: a doação de si mesmo em seu filho pela salvação da humanidade, que nasce do seio virginal de uma pobre mulher e em sua fortaleza é capaz de dividir a história. "O Verbo é a manifestação encarnada do amor do Pai, coloca-se em nosso meio e sobre nós resplandece a sua glória" (cf. Jo 1, 14). Advento é o tempo de espera do Senhor, assim como é também início de um novo Ano Litúrgico.

Na liturgia dominical do tempo do Advento somos convidados a estar atentos, dispostos e preparados para acolher o Cristo em sua totalidade: vida, morte e ressurreição! E até mais além: o abraçando nos colocamos de prontidão para sofrer todas as consequências de ser seu seguidor, onde o por Ele sofrer e amar pode até custar nossas vidas. É tempo de conversão para perceber a proximidade do Reino dos Céus.

"Aprouve a Deus, na Sua bondade e sabedoria, revelar-Se a Si mesmo e dar a conhecer o mistério da Sua vontade, segundo o qual a humanidade, por meio de Cristo, Verbo encarnado, tem acesso ao Pai no Espírito Santo e se torna participante da natureza divina" ( Concílio Vaticano II, Dei Verbum, n.º 2). Na manjedoura irá nascer a misericórdia da qual podemos experimentar "com todo o coração, com toda a alma e com todas as nossas forças" (cf. Dt 6, 5).

Jesus concebido pelo poder do Espírito Santo, o amor da Trindade, o Paráclito, nasce do seio de Maria: a mulher do simples sim que se despojou na vontade de Deus. Ao descobrir-se nos planos vocacionais do Senhor Maria exultou de alegria e desde já celebrava o seu dom de ser o primeiro sacrário, onde nEla estaria sendo tecido não só Jesus Cristo, mas toda a humanidade. É também pelo poder do Espírito que confessamos "Jesus Cristo é o Senhor" (1 Cor 12, 3).

O nascimento de Cristo nos alcança de forma extraordinária: vem de encontro aos nossos anseios, corresponde as nossas esperanças, conquista-nos, faz-nos amados e nos elege. Cristo, o novo Adão devolve-nos a dignidade de sermos obras do Pai. "Em Jesus Cristo, Deus mostra-nos toda a profundidade do Seu misericordioso amor" (YOUCAT, n.º9).

Desfrutemos deste tempo imitando Maria: no silêncio de nossas palavras, na inocência de nosso entendimento, tudo meditar, confiando-nos a Deus que em sua providência e misericórdia jamais fechará seus olhos para nós.

É Advento, é tempo de esperar o Menino!

Santa Maria e São José, ensina-nos a aguardar o Cristo com fé e alegria.

Por GC Bruno Lucena, FSVA.

#Advento #Natal

NOVA
R$30,00
AUXICAMISA

Movimento dos Filhos da Santíssima Virgem Auxiliadora

Av. São João Batista  S/N  - Conj. Castelo Branco - Aracaju/SE 

+55 (79) 3021-6960

Todos direitos reservados                Movimento Auxilia - 2020